6 passos para digitalizar o seu negócio e começar a vender online

Receba as minhas atualizações no seu email

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Existem várias etapas a seguir para levar o seu negócio local para um negócio online. Hoje apresento os 6 principais passos que poderá seguir para começar a fazer também vendas online. Se conseguir seguir estes passos, estará pronto a fazer vendas online, receber pagamentos e entregas dos seu produto.

Registe o domínio do seu website

O primeiro passo para digitalizar o seu negócio é comprar um domínio. Existem várias plataformas no mercado para registar o seu domínio, aconselho a name.com ou godaddy.com.

Se o seu objetivo é vender internacionalmente, o indicado será escolher a extensão .com. Se o objetivo é vender apenas no mercado nacional poderá escolher a extensão .pt (ou .com.br se estiver no Brasil).

O meu conselho é que compre as duas extensões, pois desta forma estará preparado para o futuro, caso deseje lançar-se no mercado internacional e também por uma questão de proteger a sua marca.

Escolha a plataforma

Existem vários tipos de plataformas para criar lojas online, as mais conhecidas são as Plataformas SaaS (nuvem) e as plataformas de Open Source.

SaaS são plataformas já preparadas, tudo o que tem que fazer é configurar a loja, colocar produtos e começar a vender. A plataforma mais conhecida neste grupo é o Shopify.

Quanto às plataformas Open Source, são plataformas também elas preparadas para lojas online, mas para criar uma precisará de ter conhecimento de programação (ou contratar um programador) e comprar um alojamento para a sua loja online. Uma das plataformas mais conhecidas a nível de Open Source é o WooCommerce.

O meu conselho é definitivamente uma plataforma SaaS, pesquise no Google por Shopify e irá encontrar vários artigos.

Selecione os produtos que quer vender online

Provavelmente neste momento está a pensar em colocar todos os seus produtos online certo? Nem sempre esta é a estratégia mais acertada. Se tem mais de 100 produtos, não os coloque todos online. 

Quanto maior for a escolha para o utilizador, mais difícil será concretizar a compra.

Faça uma escolha dos seus 100 melhores produtos. Certifique-se que escolhe produtos em stock e que são os seus best sellers da sua loja física.

Dica de ouro: Capriche nas fotos e na descrição dos seus produtos.

Defina os métodos de pagamento

Ter mais do que 1 método de pagamento na sua loja online é uma vantagem, pois permite ao seu cliente ter o poder de escolha para pagar da forma que se sente mais confortável e seguro.

O ideal será ter formas de pagamento que tornem simples a compra por parte do cliente e o processamento de encomendas da sua equipa. Com isto quero dizer que será de evitar o método de transferência bancária. Já imaginou ter 50 vendas por dia e ter que confirmar o extrato bancário esse mesmo número de vezes para confirmar que as suas encomendas estão realmente pagas?

Escolha métodos de pagamento que permitam libertar o seu tempo para tarefas realmente importantes no seu negócio. É óbvio que os métodos de pagamento automáticos terão uma comissão na hora da venda, mas aqui a escolha será entre comissão ou o seu tempo. A escolha será sempre sua.

Defina os formatos de envio de encomenda

Existem 2 formas de enviar a sua encomenda. 

  • A primeira, é você responsabilizar-se por embalar e enviar a encomenda.
  • A segunda, é terceirizar este tipo de serviço para os correios ou transportadoras.

Seja qual for a sua opção, lembre-se que o embalamento e a forma como o seu cliente recebe a sua encomenda, podem decidir se essa mesma pessoa irá efetuar mais encomendas no futuro e falar bem ou mal do seu negócio a amigos e familiares.

Implemente uma estratégia de marketing

Não adianta de nada todos os 5 passos anteriores se você não implementar uma boa estratégia de marketing.

Definir uma boa estratégia de marketing é importante para adquirir novos clientes e também como continuar a comunicar com os clientes atuais.

Lembre-se, esteja em constante comunicação com os seus atuais e futuros clientes, seja através de redes sociais, blog, youtube, newsletter ou outra qualquer forma.

Obrigado pela leitura!
1 abraço,
Pedro Alfaiate

Partilhe este artigo:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
0 0 votes
Pontuação do Artigo
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments